Postura dos pais é primeiro exemplo para o consumismo das crianças

Basta ver a propaganda de uma boneca que fala ou de um carrinho que se transforma em robô para começar o tão conhecido pedido: “Mãe, compra pra mim?”. As solicitações dos filhos chegam a todo momento e cabe aos pais não só avaliar a real necessidade das coisas, como também mostrar às crianças como é importante consumir com consciência.

Suprir necessidades é mais importante que suprir vontades, definem os psicoterapeutas familiares. Ficar algumas horas brincando com os filhos é muito melhor para eles do que dar o brinquedo que tanto querem e que daqui a alguns dias (ou horas) já estará esquecido no armário.

De nada adianta, porém, pregar educação financeira aos filhos se os próprios pais adotam um modelo consumista no dia a dia. Vale lembrar que os pequenos geralmente “copiam” as atitudes dos pais. Portanto, adultos compulsivos por compras tendem a ensinar este comportamento às crianças.

[su_button url=”http://fofinho.com.br/catalogo-verao-2018/” style=”bubbles” background=”#ef2da2″ size=”8″ icon=”icon: eye” desc=”Clique e conheça, você vai se encantar”]Coleção Verão 2018[/su_button]

NOSSAS REDES SOCIAIS:

Curta também nossa página no Facebook: www.facebook.com/EnxovaisFofinho
Siga-nos no Instagram: www.instagram.com/enxovaisfofinho
Siga-nos no Twitter: www.twitter.com/EnxovaisFofinho
Nossos pins no Pinterest: www.pinterest.com/Enxovaisfofinho